quinta-feira, 17 de setembro de 2015

COMBUSTÍVEL DA CRIMINALIDADE: CIDADÃO DE BEM DESARMADO E FORÇAS DE SEGURANÇA ESCORRAÇADAS.



Os Municípios precisam ser entendidos como atores vitais na segurança pública, com guardas preparadas e qualificadas para usarem armas de fogo.

Assim já ocorre em diversos locais do país, de forma muito bem sucedida, como em Paulínia/SP, onde o efetivo da Guarda é dez vezes o da PM e o da Polícia Civil juntos, resultando em baixíssimos índices de criminalidade.

Na cidade de Maceió, a Prefeitura firmou convênio com a Polícia Federal, que está qualificando o efetivo de sua Guarda para usar armas. Segundo a imprensa, no Paraná 61% dos Guardas Municipais possuem porte de arma.

Infelizmente, na contramão dos fatos de que o cidadão ordeiro armado é garantia de sociedade protegida, como mostra estudo feito pela Universidade de Harvard, aparecem os especialistas que insistem em não apenas enfraquecer suas Polícias, como é o caso do Secretário de Segurança do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, que além de tentar retirar os fuzis das mãos de sua tropa para combater bandidos armados com o mesmo equipamento, esta semana entregou documento ao Presidente do Senado, Renan Calheiros, solicitando para que o projeto de extinção do Estatuto do desarmamento do Cidadão de Bem seja impedido no Senado.

No Brasil, desde a sanção do famigerado Estatuto do Desarmamento, mesmo contra a vontade da população, o número de mortes não para de avançar, chegando ao número de cerca de 60 mil homicídios por ano em 2014.

Fórmula: cidadão de bem desarmado + bandido armado + certeza da impunidade + certeza da de que não existirá uma possível reação = CRIMINALIDADE EM FESTA

O problema não são as Armas de Fogo, mas sim AS PESSOAS QUE AS USAM PARA COMETER CRIMES!

A estes a lei e a cadeia, ou o cemitério, caso resistam às forças policiais!

------------------------------------------------------------------------------------
FLÁVIO BOLSONARO: A PRESUNÇÃO DE INOCÊNCIA É UM PRECEITO CONSTITUCIONAL QUE VALE PARA QUALQUER VAGABUNDO, MENOS PARA OS MILITARES. http://goo.gl/gAXblA

< FAMÍLIA BOLSONARO (CARLOS, EDUARDO, JAIR E FLÁVIO) E A LUTA DAS GUARDAS MUNICIPAIS ARMADAS, OU SEJA, CIDADÃO MAIS SEGURO. ENTENDA; http://goo.gl/mlkiuW
------------------------------------------------------------------------------------

REDES SOCIAIS DA FAMÍLIA BOLSONARO:

. JAIR BOLSONARO (DEPUTADO FEDERAL / RJ)

- Twitter: @DepBolsonaro
- Fan Page (Facebook): Jair Messias Bolsonaro
- Instagram: @JairMessiasBolsonaro
- Home Page: www.bolsonaro.com.br

. EDUARDO BOLSONARO (DEPUTADO FEDERAL / SP)

- Twitter: @BolsonaroSP
- Fan Page (Facebook): Eduardo Bolsonaro
- Instagram: @BolsonaroSP
- Home Page: www.eduardobolsonarosp.com.br

. FLÁVIO BOLSONARO (DEPUTADO ESTADUAL / RJ)

- Twitter: @FlavioBolsonaro
- Fan Page (Facebook): Flavio Bolsonaro
- Instagram: @FlavioBolsonaro

. CARLOS BOLSONARO (VEREADOR / RIO DE JANEIRO - RJ)

- Twitter: @CarlosBolsonaro
- Fan Page (Facebook): Carlos Bolsonaro
- Instagram: @CarlosBolsonaro

4 comentários:

  1. Mas é um absurdo! No início do ano já reduziram número significante de policiais civís e agora desarmam os guardas municipais?

    ResponderExcluir
  2. Bom dia a todos! Peço que me esclareçam uma dúvida: armar os guardas municipais e torná-los "autoridade policial" não é inconstitucional, já que o rol das entidades de segurança pública é taxativo? A meu ver, fazer isso, mesmo que não fosse contrário à Constituição, só serve para esmaecer o poder da Polícia, ao mesmo tempo que serve de fonte de renda para os "chefes da Guarda", que enriquecem seu bolso com a verba do orçamento e com as propinas com que são "presenteadas". Ao invés disso, por que não aumentam o efetivo da Polícia Militar? Pra que criar uma outra força paralela, com todo um "ordenamento hierárquico"? Por que não investir nas forças de segurança legalmente aptas a agirem como tal? Por que não pegar os reservistas das Forças Armadas, soldados treinados e disciplinados, e transformá-los em Policiais Militares, ao invés de deixar que eles sejam cooptados pelo tráfico?
    Uma guarda militarizada (chegando ao absurdo de ter um "Grupo de Operações Especiais"!!) não é o que precisamos; precisamos é de investimento e respeito às Forças Policiais legalmente instituídas!

    ResponderExcluir
  3. DEPUTADO SOU POLICIAL MILITAR E NUNCA ME INTERESSEI POR ASSUNTOS POLITICOS EM VIRTUDE DESTES LADRÕES QUE COMANDAM O NOSSO PAÍS MAS DEVO CONFESSAR QUE DEPOIS QUE CONHECI O SENHOR ATRAVES DE VÍDEOS VIREI UM FÃ SEU E CONCORDO COM TUDO O QUE O SENHOR FALA QUERO AQUI LHE GARANTIR MEU VOTO E DA MINHA FAMILIA POIS POLITICOS HONESTOS COMO O SENHOR MERECEM COMANDAR ESTE PAIS

    ResponderExcluir