quarta-feira, 23 de junho de 2021

Prefeito do Rio, conhecido como padeiro distraído, talvez por se esquecer de muitos fatos, tenta induzir os cidadãos cariocas a erro mais uma vez. (Tem método)


Mais uma vez, o Prefeito do Rio usa a falácia como instrumento de comunicação com seu público nas redes sociais na tentativa de me atacar e, por conseguinte, o governo federal. Ontem votamos na Câmara do Rio o Projeto de Lei Complementar 11 de 2021, que trata de intervenções urbanísticas profundas no Centro do Rio, comumente chamado de Reviver Centro, um projeto no mínimo polêmico sob diversos aspectos. O Prefeito disse em seu Twitter que eu votei junto com o Psol, porque este grupo, assim como eu, votou contra a proposta. 

Vamos aos fatos.

Em primeiro lugar e mais importante, este projeto de intervenção urbanística complexo foi enviado antes da revisão do Plano Diretor da Cidade, previsto para ser discutido no próximo semestre. A questão é simples, como debatemos uma intervenção gigantesca sobre o Centro da Cidade sem ter debatido, analisado e aprovado o Plano que trata do crescimento de toda o Rio pelos próximos 10 anos ?  

Outro ponto importante: o Projeto contém aspectos ideológicos estranhos à matéria urbanística, como, por exemplo, enunciado em seu Artigo 1º, inciso XVI, como segue: 

XVI - celebrar a diversidade cultural através de programa que promova a conservação crítica dos monumentos, visando à educação cidadã e à compreensão atual dos fatos históricos da escravidão, eugenia, racismo, violência contra os direitos humanos e opressão da liberdade que atingiram populações negras, indígenas, LGBTQI+ e minorias sociais; 

Ora, quais são os monumentos LGBT do Centro do Rio que precisam de conservação ? E se não existem, seriam eles criados por meio desse inciso-precedentes ? Quais monumentos promovem a eugenia no Centro do Rio ? Num país miscigenado como o nosso ? Onde estão ? Será esse um precedente para a atuação de grupos como o Black Lives Matter, que destruiu monumentos do passado americano sob a pretensão de apologia racista ? É um cheque em branco para a reformulação da história do Rio ? Fica a questão, inclusive porque o mesmo tipo de incongruência se repete mais adiante, no Artigo 36, inciso II, como segue:

II - ampliar a educação cidadã, especialmente entre crianças e jovens, através da compreensão atual dos fatos históricos da escravidão, eugenia, racismo, violência contra os direitos humanos e opressão da liberdade que atingiram populações negras, indígenas, LGBTQI+ e outras minorias sociais; 

Ampliar a educação cidadã, especialmente entre crianças e jovens, aplicando ideologias amplamente questionadas por famílias brasileiras ? Porque ao invés de colocar temas caríssimos a psolistas e petistas não tratar genericamente de toda e qualquer discriminação ? Mais uma vez é forte a presença de tônica ideológica numa Prefeitura que tem empregado, inclusive, filhos de psolistas em seus quadros. 

Por fim, há a questão da aprovação de emendas do Psol, do PT e de algumas comissões permanentes da Casa ao projeto que tratam de temas como: fomento da cultura LGBT por meio de afirmação e fomento de programas de conservação de monumentos (Emenda 7); promoção de acesso a moradia privilegiando pequenos grupos ideológicos como LGBTs, populações indígenas (Índigenas, no Rio, buscando moradia no Centro ??? Porquê o acesso não deve ser isonômico ?) (Emenda 40); fomento à ocupação de espaços públicos que podem virar cracolândias, proibindo o Poder Público de colocar obstáculos nesses mesmos lugares que são ocupados, muitas vezes, por usuários de drogas (Emenda 59); entre muitas outras. Só este ponto já demonstra, de forma cabal, a minha contraposição e não o alinhamento com Psol e PT.

Por fim, cabe perguntar porque o Prefeito precisa usar argumentos falaciosos para me atacar. Quais seus objetivos ? Certamente não são técnicos e me parecem muito mais políticos. O Prefeito mente para seus seguidores e tenta criar uma questão política sobre o meu voto, que não foi leviano como muitos pontos do projeto que ele enviou e que não continha dados factíveis de retorno para a Cidade, de empregabilidade, de solução efetiva da questão da moradia, que é intempestivo em relação ao Plano Diretor, etc.
-----------------------------------------------
. PARA ACOMPANHAR O TRABALHO DO CARLOS BOLSONARO (VEREADOR / RIO DE JANEIRO - RJ) SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS:

- Twitter: @CarlosBolsonaro (Fleet)
- Fan Page (Facebook): Carlos Bolsonaro 
- Instagram: @CarlosBolsonaro (Snapgram)
- Telegram: Carlos Bolsonaro
- Home Page: www.carlosbolsonaro.com.br
- Youtube: Carlos Bolsonaro (PhotoTube)
- Parler: CarlosNBolsonaro

4 comentários:

  1. Boa tarde! Carlos Bolsonaro tenho apreço pela família de vcs, só um pedido reveja por favor a cobrança do iptu desde a época do governo do Luiz Paulo Conde(prefeito) foi ele que elaborou mudanças na arrecadação do iptu criando método para agraciar o seu sucessor na época esse infeliz do Eduardo, nós estamos pagando terraço coberto ou não como se fosse domicílio! Grato pela atenção! Selva Brasil!����

    ResponderExcluir
  2. Pablo Vittar seria um bom defensor do plano diretor. Infelizmente eu quero me distanciar dessas pessoas violentas e sem escrúpulos.

    ResponderExcluir